Quando e como trocar as marchas da bike corretamente? Dias Bike

Quando e como mudar de moto engrenar corretamente? Dias de bicicleta

Montar em uma moto algum tempo atrás significava ter força nas pernas e manter o equilíbrio. No entanto, quando as marchas surgiram, isso foi mudando. O esforço para se pedalar diminuiu e muito!

No entanto, se de um lado as engrenagens vieram a facilitar o pedalways, por outro lado, as motos passaram a exigir mais manutenção, mesmo porque se o ciclista não souber mudá-las corretamente quando quiser aumentar ou diminuir, ele pode comprometer todo o sistema de marchas da moto.

Portanto, a partir do Days Bike, preparamos algumas dicas para você, que anda de bicicleta casualmente ou está começando no mundo do ciclismo e quer aprender a mudar da maneira correta e assim preservar o sistema de transmissão da sua moto por muito mais tempo. Check:

  • Nas subformas íngreme não é recomendado fazer a mudança de engrenagem, portanto, ao iniciar uma subida é indicada troca a velocidade para a direita no start para não forçar a troca de moeda e alavancas do sistema.
  • Standing standing, pedalando por um longo tempo, ele também não é recomendado, pois ele força a troca externa, cassete, cadeia e pedestail da moto.
  • Pedalar para voltar é outra ação que tem que ser evitada, afinal, esse movimento. não é adequado para a corrente, que vai ser deslizante com dificuldade, pode até ter atrito com o pneu, os raios, etc.
  • Para quem gosta, é importante saber que emitir com Mountain Bike não é aconselhável. Acima de tudo por mudar de marchas. É inaceitável! Todo o peso e pressão serão encontrados no saco traseiro forçando-o muito, e pode danificar todo o sistema.
  • A vela de vela tem três coroas de 1 3 que são demarcadas nas alavancas, sendo o maior sendo o 1o, o 1 intermediário e o menor terceiro. O cassete tem de 6 9 coroas (cassetes acima de 9 coroas são ajustadas ao nível médio anterior, podendo chegar a cassetes com até 13 coroas).
  • Diferente da pedicle, no cassete a coroa 1o é a menor. Para ter alta velocidade, a proporção é de 1 × 1 (pergunte 1 e cassete a 1). Dessa forma, o pedal vai ficar “pesado”, mas pode chegar a velocidades bastante altas . Quando a corrente estiver no nível de vela da vela 1, o cassete deve receber a corrente apenas nas coroas 1, 2 e 3.Quando a corrente está no nível de vela da vela 3, o cassete receberá a corrente apenas nas três últimas coroas. Com a corrente no nível de vela pediátrica 2, o cassete aceita em quase todas as coroas, exceto as coroas extremas (1 e 9 por exemplo).
  • Essa troca é essencial para que a atual não mantenha contato com a troca da frente e, o mais importante, que não seja mantida. cross. Ao atravessar, a corrente prejudica o câmbio, a cassete e a pediatria. Além disso, não faz sentido a pessoa querer alta velocidade com a proporção 1 × 7. Esta relação proporcionará a velocidade de um 2 × 5, mais ou menos, porém com ruídos.
Pedivel e Catraca/Cassete

Confira como cuidar do sistema de moedas de sua moto!

As motos mais modernas de marchas são, gerais, equipadas com dois conjuntos de coroas (frente e traseira), controlados por duas interlocações anexadas ao guidão. Essas trocas podem ser sistemas de: alavanca (rapidfire, EZ-fire, trigger shifter) ou spinning (grip change, Revoshift). As diferenças para usar são poucas. Veja apenas:

Sistemas de alavancagem

Sobre os sistemas de alavanca, o processo é mais simples. Há uma única alavanca pequena que se move para um lado e para o outro, aumentando ou diminuindo a engrenagem. A alavanca dupla ou o fogo rápido e o EZ-fire têm alavancas separadas para aumentar e diminuir, dispostos perto do dedo e dos polegares de forma planejada para que a engrenagem seja levantada com um dedo e abaixada com o outro, tornando a etapa mais fácil e eficaz.

Já o sistema Revoshift ou Grip-shift é composto de uma parte rotativa próxima ao manopla, que envolve parte do guidão e aumenta ou diminui a engrenagem como o ciclista executa.

Na prática, o que muda, de fato, é só o caminho vai acionar o estrangeiro troca, que é bastante intuitiva para ambos os sistemas.

Forward Foreign Exchange

O comando para as taxas de câmbio dianamente dianteiros está no lado esquerdo do handlebar, ou seja, com a mão esquerda, as marchas de coroas (engrenagens) que ficam no pediatria (onde pedais) serão comandadas.

O que muitas pessoas dizem é que, para não danificar o fluxo de bicicletas, não deve ser crossover (como mencionado acima). Significa que a corrente tem que funcionar o mais próximo possível, pois se você estiver fazendo uma linha na diagonal, isso fará com que a troca de moeda seja forçada e, portanto, estragada, forçando-a a ser mantida no sistema de engrenagem ou até mesmo para alterá-la.

Câmbio dianteiro Shimano

Rear Foreign Exchange

A troca traseira é a da mão direita. Ela irá controlar as coroas na parte de trás da sua moto, que são as menores. Dependendo da moto, é possível ser 6, 7, 8 ou até 9 kronor engrenar atrás. Eles devem ser combinados com as 3 coroas frontais para determinar a velocidade que você vai passar. Quanto mais marchas a moto tem, maior será o número de coroas.

Câmbio traseiro Shimano

velocidade média

A Definição de marchas é feito de acordo com o aclive ou declive do terreno, tendo um limite de velocidade a que uma bicicleta pode chegar. Em metrôs, o mais indicado é andar em mais marchas ligera não usar as duas pernas. Por isso, sua cadeia deve estar nas catracas (coroas menores).

Quando a moto está na coroa de frente menor e na traseira maior, ela está na primeira marcha. O processo é o seguinte: o ideal é que você vá em passar por o fluxo nas coroas posteriores dos principais para o menor, sempre lembrando de manter o alinhamento da corrente entre as coroas.

colar a corrente está na maior coroa frontal e na menor traseira, você estará usando a última engrenagem da moto. Ele será o mais pesado para pedalar e consequentemente o mais designado para ganhar velocidade. Normalmente, ele é usado para quando você estiver pedalando no plano certo (nem subir nem descer).Outra dica para não danificar a troca de moeda e a corrente é mudar sempre a engrenagem sem forçar a cadeia e o castrac. Quando você colocar engrenadas pesadas, vá uma para uma lenta, especialmente se você estiver em condições de vida.

Outro fator importante é sentir a bike. A circular você será capaz de sentir se você está sendo muito forçada, especialmente se você começar a ouvir um barulho. Então fique atento!

Ciclista subindo morro

E lá, você conseguiu aprender a trocar a engrenagem certa para não danificar o seu sistema de moeda? Aqui na Days Bike, nosso compromisso é inteiramente para você, amante do pedal, que busca se atualizar constantemente sobre tudo o que o universo do ciclismo acarreta.

Veja outras dicas valiosas em nosso blog. Até a próxima!

Fonte: blog.diasbike.com.br/tipos-bicicleta/como-trocar-marchas-bike-corretamente

Cart
Your cart is currently empty.